top of page

Como se planejar para as festas juninas? Vem saber qual a importância da Engenharia de Produção!



As festas juninas movimentam a economia brasileira, principalmente a nordestina, a celebração aumenta o fluxo de pessoas, que aproveitam para conhecer outras cidades, além de aumentar a comercialização de produtos que fazem parte desse período. É fato que as demandas por produtos típicos, isso inclui o aumento das compras de cereais característicos da festividade como o milho, roupas à época, dentre outros aumentam e com isso é necessário se programar para atender as demandas dos clientes e consumidores da melhor forma possível.

Observando este cenário, percebe-se que este evento requer uma boa previsão de demanda. Para atendê-la de forma apropriada, uma gestão logística, um bom planejamento da produção atrelado a um controle de estoque, entre outros fatores que devem estar bem alinhados para um desempenho empresarial satisfatório neste período.

Este é um grande desafio para as organizações, de todos os tamanhos e tipos, para isso a engenharia de produção é uma ótima ferramenta para ajudar a resolvê-lo.


Como a Engenharia de Produção atua e soluciona os desafios durante os festejos juninos:


É notável que as empresas buscam durante os períodos de festas, atender suas necessidades e demandas de uma forma adequada, porém nem todas as empresas realizam esse processo da maneira correta, de acordo com o seu tipo de negócio e cliente. A engenharia de produção é essencial nesse sentido, pelo fato de atuar de forma integrada e estratégica dentro da organização, com a solução mais eficaz.

O que é passível de acontecer durante estes períodos de festividades, que são acontecimentos sazonais, previsões e planejamentos são realizados pela empresa de forma qualitativa, ou seja, sem embasamento de dados e com certas lacunas de análise, e às vezes utilizando sua percepção de anos anteriores. O que de certa forma faz sentido, porém muitas vezes não é o mais adequado. Na engenharia de produção estuda-se técnicas de previsão e planejamento de produção que auxiliam nesse processo para ser eficiente e garantir o mínimo de perdas ou desperdícios possíveis, pois muitas vezes a questão não é só produzir a mais, mas também pode ter produzido menos, o que não é interessante para nenhuma organização.

Alguns dos métodos de previsão que utilizamos para realizar tais análises, são os citados abaixo:

  • Média Móvel: esse método calcula a média dos dados históricos de demanda em um determinado período de tempo, levando em consideração que a demanda futura será semelhante à demanda média observada no passado;


  • Regressão Linear: nesse método, são utilizadas variáveis explicativas, como tempo, preço, promoções, entre outras, para estabelecer uma relação com a demanda. Através da análise estatística, é possível determinar uma equação que descreva essa relação e fazer previsões com base nela;


  • Séries Temporais: esse método é amplamente empregado para prever a demanda com base em padrões temporais identificados nos dados históricos. Modelos como ARIMA (AutoRegressive Integrated Moving Average) e Holt-Winters são exemplos comuns de modelos de séries temporais utilizados nesse contexto;


  • Modelos de Suavização Exponencial: estes modelos também se baseiam em séries temporais, porém dão maior importância às observações mais recentes. Eles atribuem pesos decrescentes às observações passadas, permitindo que a demanda mais recente tenha um impacto maior nas previsões.

É importante compreender que para essas análises os dados são peças fundamentais para uma boa previsão e organização das informações e considerações em geral, então as organizações que desejam fazer uma adequada previsão de demanda devem se atentar a este fator.

A engenharia de produção não é somente essencial no processo de previsão durante as festas juninas, mas também no planejamento e controle da produção, na gestão dos estoques, nos procedimentos logísticos, no aumento da qualidade dos produtos, dentre outros precedentes que fazem parte de uma ótima gestão empresarial.


Quais são os benefícios de aplicar os princípios da engenharia de produção durante esse período do ano?


Dessa forma, é possível perceber a importância de agir, não só nas festas juninas ou outros eventos, todavia durante todo o ano. Atrelar a engenharia de produção as organizações trazem inúmeros benefícios, uma melhor previsão de demanda, uma adequada gestão logística, um maior controle de qualidade, além de uma eficaz gestão de custos.

Em resumo, a Festa Junina é um período de estímulo à produção de quitutes típicos, roupas, bebidas e esse processo é bastante delicado e requer uma coordenação dedicada e eficiente para atender às demandas dos clientes de forma adequada. Portanto, fica evidente que é um espaço altamente favorável para a aplicação da engenharia de produção.

Tem interesse em descobrir como a engenharia de produção pode impulsionar o seu negócio? Gostaria de saber mais como melhorar a organização da sua empresa no período junino? A Ciclo Consultoria é a parceira ideal para auxiliá-lo nesse processo. Entre em contato conosco e agende agora mesmo uma análise empresarial gratuita!



0 comentário

Comentarios


  • whatsapp-logo-1
bottom of page