Cronoanálise: entenda o que é e quais os seus benefícios!


A Cronoanálise destacou-se pelo seu auxílio na tomada de decisões empresariais e no planejamento produtivo, tornando-se uma ferramenta necessária devida a evolução tecnológica e o aumento da competitividade. Ambos fatores impulsionaram as empresas a buscarem mais produtividade.


Afinal, o que é cronoanálise?

Trata-se do estudo dos tempos e movimentos, focado nas tarefas de um processo produtivo. O desenvolvimento dessa ferramenta deu-se no início do século passado, pelos engenheiros americanos Frank Gilbreth e Frederick Taylor. Nessa perspectiva, eles perceberam que o tempo era o fator principal ao buscar aumentar a produtividade e a eficiência da linha de produção.

Ao executar a cronoanálise, é necessário dividir por etapas, pois um dos seus objetivos é determinar o tempo padrão a partir da cronometragem. Desse modo, uma vez que esse indicador esteja em posse, é possível dar início a uma variedade de análises sobre a produtividade.


Qual é a relação entre a Cronoanálise e a Cronometragem?

É possível que algumas pessoas possam confundir a cronoanálise e a cronometragem, contudo, a cronometragem é apenas uma das etapas da cronoanálise. Sendo assim, a cronometragem trata-se de uma ferramenta responsável pela coleta do tempo que cada operador leva para realizar uma tarefa, logo, é a técnica de obter os tempos de processo os quais, em uma análise mais abrangente, podem se tornar a própria cronoanálise.


Então, qual a utilidade da Cronoanálise?

Sendo seu objetivo determinar a capacidade produtiva de um setor ou linha de produção, a Cronoanálise possibilita obter dados seguros em relação ao tempo padrão de atividades, sendo assim a base das definições:

  • Indicadores da produtividade e qualidade;

  • Viabilização de processos;

  • Balanceamento de linha;

  • Roteiro de trabalho;

  • Carga homem;

  • Carga máquina;

  • Custos, entre outros.

Exemplos de aplicações da Cronoanálise:

  1. Padronizar as tarefas e responsabilizar o operador para o cumprimento dos tempos e métodos;

  2. Analisar os materiais, ferramentas e equipamentos utilizados na produção, com o objetivo determinar os melhores métodos de trabalho para a execução das tarefas de forma mais eficiente;

  3. Otimizar a execução de uma operação utilizando dos movimentos mais simples, mais rápidos, de menor fadiga e com maior valor de trabalho agregado;

  4. Utilização do tempo padrão como um dos parâmetros para a constituição do custo industrial através da relação tempo padrão x custo minuto do setor produtivo.

E quais são os benefícios da cronoanálise?

A cronoanálise é uma excelente ferramenta da melhoria contínua nos processos produtivos, pois possibilita o entendimento da quantidade de tempo o qual é empregado efetivamente em tarefas produtivas. Nessa visão, através dos dados coletados pela ferramenta, pode-se identificar facilmente os gargalos da produção e visualizar informações acerca da produtividade.

Desse modo, alguns benefícios da cronoanálise são:

  • Aumento da produtividade;

  • Padronização dos processos;

  • Quantificar a ociosidade dos colaboradores;

  • Identificar com facilidade os gargalos das operações;

  • Diminuição das perdas por movimentação.

Se interessou pela Cronoanálise e quer implementá-la na sua empresa? A Ciclo Consultoria pode te ajudar! Entre em contato e agende uma reunião gratuita.


0 comentário
  • whatsapp-logo-1